1 em cada 5 pessoas usa plataformas de streaming com a conta de outra pessoa

1 em cada 5 pessoas usa plataformas de streaming com a conta de outra pessoa

| 7 de março de 2019 | 379

O estudo considerou ainda, que entre as principais plataformas – Netflix, Amazon Video e Hulu – a Netflix é o meio pirateado por mais tempo, durante um período de aproximadamente 26 meses, enquanto o Amazon Video é pirateado por cerca de 16 meses e o Hulu 11.

Quando a pesquisa foi realizada no fim de 2018, considerou-se o preço base do plano da Netflix nos Estados Unidos na época, US$ 7,99. Com isso, a estimativa esses usuários geram um prejuízo de, aproximadamente, US$ 192 milhões em receita mensal à empresa. Amazon e Hulu sofreriam com US$ 45 milhões e US$ 40 milhões por mês, respectivamente.

48% desses usuários piratas usam o login de seus pais, enquanto outros 14% usam contas de um irmão ou uma irmã. E são os millennials os responsáveis ​​por grande parte desa prática.

Em partes, há a crença de que esses não pagantes nunca seriam clientes de fato dessas empresas. Mas o estudo mostrou que 59,3% desse público (cerca de 14 milhões de pessoas) disseram que pagariam pela Netflix caso não tivessem a opção de usar a conta de outra pessoa. Esse número seria o suficiente para gerar, pelo menos, US$ 112 milhões em receita mensal para a empresa.

Vale ressaltar que o estudo calculou os números observando as contas de tela única que, na teoria, são usadas por um único indivíduo e não compartilhadas como no plano familiar.

Comentários

comentários

curta nossa fanpage